O jongo, ritmo considerado o ritmo pai do samba carioca, é um patrimônio imaterial e precisa ser resguardado e cada vez mas conhecido! É no Morro da Serrinha que surge uma das mais importantes Instituições com essa finalidade: O Jongo da Serrinha é uma ONG coordenada por mulheres, em sua maioria negras, e que envolve cerca de 200 pessoas entre músicos, dançarinos, gestoras, professores e cerca de 150 alunes anuais na Casa do Jongo da Serrinha, sua sede na comunidade de Madureira.

Com 60 anos de História é também um movimento social na luta antirracista e decolonial criando ações continuadas de salvaguarda, educação, arte, cultura e cidadania.

O grupo atua como quilombo e família ao mesmo tempo e é hoje uma das mais importantes referências da cultura negra nacional, sendo reconhecido como um dos primeiros patrimônios Imateriais do Brasil em 2005 pelo IPHAN.

A Casa do Jongo da Serrinha conta com você para manter suas ações e perpetuar esse legado, doe!

colabore@jongodaserrinha.org 


Objetivos do Desenvolvimento Sustentável desta iniciativa

Redução das Desigualdades
Fazer doação

Rio de Janeiro